Pages

terça-feira, 21 de agosto de 2012

JCM

Te conheci na Igreja
Num domingo belo
Seu semblante estava impassível
E também muito singelo

Tão linda tu estavas
Que te tornastes meu mais querido sonho
Nos domingos que não te via
Eu ficava todo tristonho

Amigos nos tornamos
Oh! Grande alegria
Sempre que perto de ti eu estava
Sentia grande euforia

Logo, logo, ganhei sua confiança
E passávamos muito tempo juntos
Falávamos sobre tudo
E nunca nos faltavam assuntos

Mas, então, fui picado pelo amor e quando me dei conta já estava enamorado por ti. O que poderia fazer, o meu coração? Como resistir ao teu encanto? Como não reparar em tamanha beleza?
Eu já não consigo fingir nem pra mim mesmo, você é quem eu quero. O teu riso é o mais bonito aos meus ouvidos; os teus olhos têm um brilho ao sorrirem; tuas mãos são macias, percebo isto quando segura as minhas entre as suas; do seu corpo se desprende um perfume agradabilíssimo. E por tudo que tu és eu te gosto tanto, minha querida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário