Pages

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Lembrança

Era tarde, os raios solares incidiam no seu rosto e atravessavam as águas cristalinas da cachoeira. O ambiente estava muito agradável: árvores frutíferas ao redor, grama esverdeada, rajadas de vento leve, quase nenhuma umidade no ar. Eu podia sentir o frescor em estar ali ao seu lado. Por mais que ambos estivéssemos sujeitos a uma breve e possível separação.Previa que o tempo havia parado enquanto você me beijava com tanta firmeza e segurança. Por dias relembrei detalhes como as mordidas frenéticas e suavemente dolorosas que você dava em meus lábios, o toque de suas mãos em volta da minha cintura, os melancólicos risos entre um beijo e outro, olho no olho, sensações inesperadas em frações de segundos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário